Casal é preso com bananas de dinamite dentro da caixa de isopor em GO

Goiânia – Um homem, de 55 anos, e uma mulher, de 36, foram presos após serem flagrados com dez bananas de dinamite escondidas dentro de uma caixa de isopor em via pública, na noite desta quinta-feira (5/5) na capital de Goiás.

Segundo a Polícia Militar de Goiás (PMGO), uma equipe do Batalhão do Choque fazia patrulhamento no setor Veredas dos Buritis, quando se deparou com um casal em frente uma casa, com uma caixa de isopor dentro de uma sacola. O casal teria tido um sobressalto assim que avistou os militares, demonstrando a reação de susto.

Isso teria chamado a atenção dos policiais, que decidiram abordar a dupla. Inicialmente, os PMs imaginavam que haveria drogas dentro da caixa de isopor. No entanto, quando abriram, tiveram uma surpresa. A caixa estava recheada de material semelhante a explosivos. A suspeita é que o produto seria usado para explodir caixas eletrônicos.

Descoberta do material

“Tem informação de que essa mulher fazia negociação dessas dinamites com traficantes de drogas, fornecia para assaltante de banco, de qualquer lugar do Brasil. Ela trocava os explosivos por drogas”, explicou ao Metrópoles o capitão do Choque, tenente-coronel Alexandre Saliba. Essas informações foram repassadas por integrantes da segurança pública do Mato Grosso do Sul.

Os artefatos foram removidos por uma equipe do Bope e o casal foi apresentado na Central Geral de Flagrante da Polícia Civil. Os nomes dos dois presos não foram divulgados. Ele disse que é técnico de refrigeração e ela disse ser vendedora. Os dois negaram o crime e alegaram que não sabiam o conteúdo da caixa de isopor, que seria repassada para uma pessoa a mando de um terceiro. O homem tinha antecedente criminal por lesão corporal e ameaça. Já a mulher não tinha antecedentes criminais.

 

Fonte: Metrópoles.

print