Pressão interna faz João Campos recuar sobre apoio do Republicanos a Mendanha

Pressão de correligionários que querem apoiar a reeleição do governador Ronaldo Caiado (UB) fez o presidente do Republicanos em Goiás, João Campos, recuar de declarações recentes de apoio à pré-candidatura do ex-prefeito de Aparecida de Goiânia Gustavo Mendanha.

“O partido tomou a decisão de que, como o partido não tem pré-candidato a governador filiado, nós não iríamos adotar uma postura de exigir, ao definir o apoio, que todos da sigla estivessem com aquele pré-candidato”, disse em entrevista ao jornal O Popular.

Houve uma tentativa, como mostrou a coluna Giro, por parte de João Campos, de antecipar o apoio a Mendanha. Isso acabou gerando insatisfação por parte de correligionários que já haviam declarado apoio a Caiado, como o próprio prefeito de Goiânia, Rogério Cruz, e o ex-secretário estadual de Segurança Pública, Rodney Miranda, que é pré-candidato a deputado federal.

Campos, porém, insiste que não há uma preferência da direção do partido, hoje, por um pré-candidato específico e que as opções estão abertas. Ele lembra que, durante as conversas para formação das chapas proporcionais, foi deixado claro que os filiados teriam liberdade para escolher quem iriam apoiar para governador, independentemente da escolha da direção da sigla.

 

Fonte: Poder Goiás.

print