Jorginho vê injustiça em resultado negativo do Atlético Goianiense diante do São Paulo

No último domingo (3), o Atlético Goianiense conheceu sua sexta derrota no Campeonato Brasileiro. Jogando no Estádio Antônio Accioly, o time comandado pelo técnico Jorginho foi superado pelo São Paulo por 2 a 1. Com o resultado negativo, o Dragão voltou a se aproximar da zona de rebaixamento da competição nacional.

Após o término do confronto, o comandante rubro-negro comentou a respeito da partida. Para Jorginho, sua equipe não merecia ter sido derrotada. Na visão dele, o Tricolor não conseguiu construir nada para vencer, mas, por conta de erros dos atleticanos, conseguiu ficar com a vitória.

“Nós não merecíamos perder, pois o São Paulo não construiu nada para uma vitória, como aconteceu. Basicamente, eles marcaram depois de dois erros nossos. E nós acabamos sendo “penalizados” com essa derrota. Naturalmente, eu esperava que a nossa criação ofensiva fosse melhor, até mesmo por conta da forma como entramos na partida, com uma equipe bem ofensiva, marcando em linha alta. Mas o volume de possibilidades reais de gols não foi tão grande assim. E isso para as duas equipes. Achei que era um jogo para um empate. Mas acabamos sofrendo os gols em momentos de infelicidade. Tivemos possibilidades de fazer não fizemos. Agora, é levantar a cabeça e entender que não aconteceu o que imaginávamos e que precisamos corrigir os erros para o próximo jogo”, disse Jorginho.

Questionado sobre a possibilidade do cansaço e do desgaste por conta da maratona de jogos ter feito um papel fundamental para o revés rubro-negro, Jorginho prefere não creditar a derrota a tais motivos, pois, como lembrou o treinador, o São Paulo também havia jogado pela Sul-Americana na última quinta-feira (1). Além disso, o comandante falou sobre a possibilidade do time do bairro de Campinas buscar a classificação no torneio internacional.

“Na realidade, nós não podemos reclamar disso. O São Paulo também vinha da mesma situação. Então, não dá para ficar lamentando essa situação. Precisamos encarar. Essa é a nossa realidade. Estamos disputando três campeonatos. Estamos vivos nos três. Sabemos o quanto vai ser difícil o jogo contra o Olimpia, mas é possível (conseguir a classificação). É possível uma reviravolta. Podemos ganhar por 2 a 0, por uma diferença de dois ou gols gols. Isso é possível desde que tenhamos um comportamento completamente diferente do que tivemos lá (no Paraguai). Então, não vou colocar (a culpa da derrota) no cansaço”, finalizou Jorginho.

Fonte: O Hoje

print