Com Bolsonaro, convenção goiana do PL deve custar cerca de R$ 160 mil

O presidente estadual do Partido Liberal (PL) e pré-candidato a governador, deputado federal Major Vitor Hugo, disse em coletiva de imprensa, na tarde desta quinta-feira, 28, que a legenda deve gastar cerca de R$ 160 mil com a convenção, marcada para esta sexta-feira, 29, no Clube Jaó, em Goiânia. O evento será acompanhado pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), que antes participa de uma motociata com apoiadores. Na ocasião, a sigla deve lançar o nome de Wilder Morais (PL) ao Senado e das chapas proporcionais para deputado estadual e federal, mas as vagas de vice-governador, além de suplentes, seguem em articulações.

Na coletiva, Vitor Hugo disse que as portas de projeto político estão abertas para o pré-candidato ao Senado Lissauer Vieira (PSD). Vitor Hugo também destacou que vem conversando com outras forças políticas para aumentar o palanque de sua candidatura e citou o Avante, partido presidido em Goiás pelo vereador de Goiânia Thialu Guiotti.

O pré-candidato ao Governo de Goiás destacou que as definições de vice e dos suplentes ao Senado serão definidas apenas no limiar da decisão. Major Vitor Hugo não se preocupa, no entanto, que não haja composições com outras legendas e o PL avance no processo eleitoral com chapa pura.

Além disso, ele reforçou o apoio ao chefe do Executivo Federal, apresentou uma síntese do plano de governo e fez críticas aos adversários. Na ocasião, ele prometeu, caso eleito, criar uma Secretaria do Entorno, da Inclusão e um Programa Parceiro Investimento.

Fonte: Jornal Opção.

print