Homem suspeito de envolvimento no assassinato de menina de 10 anos é achado morto

Bárbara Victória Vitalino Rodrigues, de 10, foi encontrada morta na última terça-feira (2) após sair para comprar pão na Região Metropolitana de Belo Horizonte. A garota foi localizada em um matagal próximo a um campo de futebol no bairro Pedra Branca, em Ribeirão das Neves, Minas Gerais. A garota vestia a mesma camisa do Atlético-MG usada no dia em que desapareceu. Segundo informações do jornal Estado de Minas, havia sinais de violência sexual no cadáver.

Câmeras de segurança encontradas pela polícia mostram Bárbara caminhando ao lado de um homem suspeito pelo seu assassinato, era Paulo Sérgio de Oliveira, de 50 anos de idade.

As imagens foram registradas momentos após Bárbara deixar a padaria, e mostram ela atravessando a rua ao lado de um homem de calça, camiseta escura e boné. Às 17h52, ele faz um sinal para que a garota o espere em uma esquina e segue reto.

Pouco mais de um minuto mais tarde, o homem retorna e eles atravessam a mesma rua, desta vez na direção contrária.

Paulo chegou a ser detido pela polícia na última segunda-feira (1º), quando Bárbara ainda era considerada desaparecida.

Conforme boletim de ocorrência da PM, ele negou ser quem aparecia nas imagens e disse que não conhecia a garota. Mais tarde, confirmou que era ele nas gravações e falou que conhecia Bárbara, mas que não tinha feito nada com ela.

Paulo foi encontrado morto em uma casa no bairro Cachoeirinha, na Região Nordeste de Belo Horizonte, na tarde desta quarta-feira (3). A informação é do portal g1.

 

Fonte: Goiás 24 Horas.

print