Brasil

Homem que esfaqueou turista que estava no Rio para show de Taylor Swift é preso

Policiais civis prenderam em flagrante, na tarde deste domingo, o segundo autor envolvido no latrocínio de Gabriel Mongenot Santana Milhomem Santos. Jonathan Batista Barbosa, de 36 anos, foi localizado por policiais da 13ª DP (Copacabana).

Segundo a polícia, o caso foi encaminhado para a Delegacia de Homicídios da Capital (DHC). Ainda de acordo com as autoridades, os agentes receberam a informação de que o autor estaria na Lapa, Região Central do Rio. Com isso, os policiais seguiram até o local e realizaram buscas.

O suspeito havia sido preso em flagrante na última quinta-feira por agentes do Segurança Presente de Copacabana. Ele foi solto em uma audiência de custódia no sábado, horas antes do assassinato. Jonathan já tinha tido outras seis passagens pela polícia, incluindo ofensa, roubo, furto e homicídio.

Relembre o caso

O crime aconteceu por volta das 3h da madrugada, na altura da Rua Figueiredo Magalhães, a poucos metros do batalhão de Copacabana. Gabriel estava com um grupo de cinco amigos, todos turistas que também vieram para o show da cantora Taylor Swift.

Segundo a Polícia Civil, o jovem e dois amigos estavam sentados nas areias da Praia de Copacabana, contemplando o mar, quando dois assaltantes se aproximaram. Em depoimento, uma das vítimas contou que Gabriel era o único que dormia, acordando com susto ao ser abordado. Ele reagiu, sendo esfaqueado no peito. A mesma testemunha relatou aos investigadores que os criminosos estavam alterados e os chutavam o tempo todo. Gritavam que, se alguém levantasse, iriam matar quem ousasse desobedecê-los. A faca utilizada era de cozinha, mas com uma lâmina grande. Os suspeitos levaram a chave de um veículo e dois telefones celulares. (Por Agência O Globo)

Fonte: Mais Goiás

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *