Economia

Goiás tem município com terceiro menor PIB do País, aponta IBGE

Cidade tem o menor PIB da Região Centro-Oeste

O Estado de Goiás tem um município com o terceiro menor Produto Interno Bruto (PIB) do País, aponta levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgados na sexta-feira, 15.

Anhanguera de Goiás, a 290 km de Goiânia, com uma população de 924 pessoas, de acordo com o último senso IBGE, teve um PIB de R$ 21.691 milhões em 2021. Ela é a menor cidade do Estado, tanto em população quanto em tamanho, com apenas 44 km².

O levantamento coloca a cidade como o menor PIB da Região Centro-Oeste, que inclui outros cinco municípios goianos: Cachoeira de Goiás (R$38.869 milhões), Teresina de Goiás (R$39.122 milhões), Jesúpolis (R$ 39.661 milhões), Damianópolis (R$ 44.977 milhões) e Adelândia (R$ 48.793 milhões).

Goiânia e Aparecida são líderes em densidade econômica
Em Goiás, a densidade econômica, PIB dividido pela área, revela uma concentração na Capital e municípios mais urbanizados. No Brasil, os municípios com maiores densidades econômicas estavam concentrados na zona urbana de São Paulo, com destaque para Osasco, com R$ 1,3 bilhão por quilômetro quadrado.

Em comparação, Goiânia tem uma densidade de econômica de R$ 82 mil por quilômetro quadrado. Já Aparecida de Goiânia tem R$ 60,6 mil por quilômetro quadrado.

Fonte: Jornal Opção

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *