CuriosidadeMundo

Mãe ganha na Justiça italiana direito de despejar filhos de 40 anos de sua casa

São Paulo – Uma mulher de 75 anos ganhou, na Justiça italiana, o direito de despejar de sua casa seus filhos adultos por estar cansada de sustentá-los. O caso ocorreu na cidade de Pavia, no norte do país, de acordo com o jornal europeu The Guardian, citando a imprensa italiana.

A mulher se queixou de que os filhos, que possuem emprego, não ajudavam nas tarefas domésticas e sequer contribuíam com as despesas da casa. Ela relatou que, diversas vezes, tentou convencê-los a se mudarem para suas próprias casas e terem um “estilo de vida mais autônomo”, mas a súplica foi ignorada pelos filhos, de 40 e 42 anos. “Nenhum deles queria saber”, disse ela, segundo reportagem do jornal local La Provincia Pavese.

A juíza Simona Caterbi concordou com o pedido da mulher e decidiu que os filhos deverão deixar a casa da mãe em menos de dois meses, até 18 de dezembro. Na decisão, de acordo com o jornal italiano, citado pelo Guardian, Caterbi disse que embora os homens que ainda viviam em casa fossem inicialmente justificados devido à “obrigação dos pais de fornecer alimentos”, já não era justificável dado o fato de terem mais de 40 anos.

No passado, houve casos semelhantes em tribunais da Itália. Segundo o The Guardian, em um caso de 2020, o Supremo Tribunal de Itália rejeitou o recurso de um músico de 35 anos que trabalhava em tempo parcial, que argumentou que o seu rendimento de 20 mil euros não era suficiente para viver e que ele precisava do dinheiro dos seus pais. O caso foi rejeitado pelo tribunal, com a decisão de que jovens adultos não têm direito automático ao apoio financeiro dos pais. (Agência Estado)


Fonte: A Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *